Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Setembro, 2010

desabafo I

Acho que nunca vou conseguir perceber e nunca, espero eu, conseguirei ser igual. São atitudes que não fazem sentido dentro do meu estilo de vida. O ser humano é um ser para os outros; então, como se admite que alguns de nós não pensem nos outros? Mais, como se admite que as pessoas, algumas, não tenham consideração por aqueles que lhe são mais próximos? Não entendo. E, como não entendo e me preocupo acabo por ficar mal, naturalmente. Talvez algumas pessoas que me chamam a atenção tenham razões para isso. Porque me curvo sempre perante os outros, porque cedo, porque sou submissa? Quando me começam com estas conversas sinto-me sempre humilhada, pequenina debaixo das interrogações e dos dedos apontados dos outros. O que eu sinto é que às vezes sou obrigada a ceder porque há um outro alguém que precisa de mim e porque me curvo. É verdade que também me revolta o facto de me aperceber que sou quase sempre eu a ceder e a dar a outra face. Também sou sempre eu a ficar mal e em tudo. Em tudo si…
Não há dia nenhum em que eu sinta duvidas de que te amo. Mas, ontem especialmente, não sei porquê, foi um dia em que senti que realmente tudo batia certo, que te quero e amo tanto que podia ter ficado a noite toda simplesmente a olhar para ti. Senti-me completa, segura, como quem tem o mundo na mão, porque naquele momento tive tudo o que poderia pedir. Estava em família. Claro que tanta alegria, faz-me sempre reflectir. E, obviamente, pus-me a pensar, como é que do teu lado as coisas parecem tão simples e do meu é uma complicação total? Gostava de saber que, se houvesse uma festa do género na minha família, o ambiente seria o mesmo. Mas, infelizmente, tenho os pés no chão, e sei que seria completamente diferente. Sei que já cometi imensos erros na minha vida e cometerei muitos mais, felizmente. Só assim aprenderei. Sei que já magoei a minha família algumas vezes e também levei alguns pontapés valentes. Porém, a família sempre significou imenso para mim. O significado da palavra "f…