Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Julho, 2018

destralhar

Eu achava que não comprava muitas coisas, principalmente roupa. Além disso, revejo o meu armário várias vezes ao ano e retiro sempre muita roupa que dou a outras pessoas. E ainda assim consigo ter um armário cheio de coisas que não uso, que uso só quando o rei faz anos, ou quando a perguiça bateu forte e não tratei da roupa mais cedo, e agora só tenho aquelas roupas que são uma 12º opção para vestir e lá terá de ser. Isto começou-me a fazer confusão. Tanta roupa e tão pouca coisa para vestir. Fiz uma nova arrumação. Tirei o que uso só devez em quando, tirei aquilo que "há quem sabe um dia dá-me jeito" e tirei aquelas roupas com cores que não têm nada que ver comigo e que não me sinto confortável para usar. Neste momento, não preciso de comprar mais nada. Retirei muita roupa e continuo com o armário cheio. Honestamente, acho que ainda tenho muita coisa que posso tirar e minimizar ainda mais o número de roupas que tenho. Gostava de, um dia, para além de ter um guarda-roupa mais …

Parar

O tempo não pára. 
Por isso, temos nós de criar essa ilusão. 
Fazer magia, parar o relógio e acalmar. 
Tirar um tempo para nós, para abrandar o ritmo. 
Tirar tempo para pensar no que estamos a fazer e porque estamos a fazer.
Pensar nas razões, no que nos move, no que nos motiva. 
Por que, às tantas, damos por nós em piloto automático, a cumprir agenda, 
a seguir o relógio, atrás da horas que correr e que não conseguimos apanhar, 
a distanciarmo-nos cada vez mais dos outros, de quem gostamos, 
porque falta o tempo, que nos foge, 
olhamos para o relógio e "caramba, já é tão tarde", 
"estou tão cansada" 
e fica para amanhã, 
fica para depois, 
fica para a próxima. E quando a próxima?
Será que chega?
Enquanto somos prisioneiros da agenda,
será que conseguimos encontrar a liberdade
para estarmos com quem mais importa
para fazermos o que verdadeiramente gostamos?
Entre o tempo e o dinheiro
há lugar para o mais importante?
Tempo não é dinheiro
Tempo é amor e saudade.
Tempo é o que de mais import…